sábado, 21 de janeiro de 2012

Mansões de Orgulho e Preconceito: Pemberley

Essa é a ultima postagem da série e para fechar com chave de ouro vamos falar sobre a mansão que acredito, seja a favorita da maioria: Pemberley, a casa do Sr. Darcy.

Chatsworth House


Chatsworth House (Pemberley do filme de 2005) é um grande palácio rural, localizado  em DerbyshireInglaterra. Foi originalmente construído por Bess de Hardwick por volta do século 16. O palácio foi completamente reconstruído entre 1687 e 1696 sob as ordens do 1º Duque de Chatsworth e direção do arquiteto William Talman.

Chatsworth é propriedade dos Duques de Devonshire, cujo nome da família é Cavendish. William Cavendish foi o segundo marido de Bess de Hardwick, com quem teve duas filhas.
A mansão contém uma coleção única de inestimáveis pinturas e mobílias, de desenhos de pintores que trabalharam antes de 1800, de esculturas neoclássicas, entre outros artefatos. Os jardins de Chatsworth são um dos mais famosos da Inglaterra.


Curiosidades:
  • Alguns acreditam que Jane Austen tenha imaginado essa mansão quando descreveu Pemberley, e no livro Elizabeth e seus tios visitam Chatsworth antes de visitar Pemberley.
  • No filme "A Duquesa", Keira Knightley interpreta Lady Georgiana Spencer que se casa com Sir William Cavendish 5º e se torna A Duquesa de Devonshire.





Wilton House


Wilton House é usada no filme de 2005 em algumas cenas de interior. Sua localização é em Wiltshire e foi contruída no século XVI.

Lyme Hall


Lyme Hall  foi usado como o exterior de Pemberley na série da BBC de 1995. Lyme Hall é um palácio da Inglaterra inserido num parque, o Lyme Park, próximo de Disley, no Condado de Cheshire. O palácio é um grande edifício construído no século XVI em estilo Isabelino e mais tarde alterado para um estilo que lembra um palazzo italiano.




Sudbury Hall



Sudbury Hall foi usado como o interior de Pemberley na série de 1995. A casa foi construída entre 1660 e 1680 por George Vernon e fica localizada em Sudbury, em Derbyshire, Inglaterra. Dentro, há uma mistura de estilos arquitetônicos, com belas esculturas, murais e trabalhos em gesso. As esculturas acima do pórtico de entrada principal foram esculpidas por William Wilson . Há jardins com um lago margeadas por árvores.





Renishaw Hall


Renishaw Hall foi a Pemberley da série da BBC de 1980 e sem dúvidas é uma visão de tirar o folego! Sua localização é em Derbyshire, Inglaterra, e data do século 17. A casa foi construída em 1625 por George Sitwell (1601-1667) , que em 1653 foi Sheriff de Derbyshire. A mansão tem sido o lar da família Sitwell por mais de 350 anos.





Dyrham Park


Dyrham Park foi usada na não muito conhecida série de 1967 da BBC. Dyrham Park é uma mansão em estilo barroco localizada em um parque de veados perto da aldeia de Dyrham em Gloucestershire, Inglaterra. A frente oeste foi construída em 1692 e a frente leste foi construída  em 1704 e projetada por  William Talman, arquiteto de Chatsworth (Pemberley de 2005). A mansão fica aberta ao publico de Fevereiro à Dezembro.



Harewood House




Harewood House foi a Pemberley de Lost in Austen. Harewood House é uma casa de campo localizada em Harewood, perto de Leeds, West Yorkshire, Inglaterra. A casa foi construída entre 1759-1771 para Edwin Lascelles, cuja família tinha comprado a fazenda depois de fazer a sua fortuna no Índias Ocidentais através de posições Alfândega, o tráfico de escravos e emprestar dinheiro aos plantadores. A casa foi projetada pelos arquitetos John Carr e Robert Adam. A casa ainda é da família Lascelles e fica aberta ao público a maior parte do ano.





E, assim termina minha série de postagens sobre as mansões de Orgulho e Preconceito. Espero que tenham apreciado!

7 comentários:

Adriana T disse...

Essas mansões são um sonho!
Um dia ainda vamos conhecer pessoalmente né?

Bruna Tavares disse...

Sim, com certeza!

Duda Santos disse...

*-*

Gi disse...

Olá, gostei muito do seu blog, estava pesquisando imagens relacionadas a orgulho e preconceito para um texto q estou escrevendo e encontrei por acaso sua página.
Não sei se te interessa, mas estive em Chatsworth uns anos atrás e escrevi um post para o blog de uma amiga, tem fotos, caso queira ver.
http://janeausten.com.br/2010/05/visitando-a-inglaterra-chatsworth-e-groombridge/

AdrI disse...

Já assisti incansavelmente a versão de 2005, Matthew Mcfadyen se torna um sonho de homem. A história de Jane Austen é de suspirar. As mansões nos fazem viajar no tempo, eu particularmente me vejo vestida e muito presa a esta época é fascinante

AdrI disse...

Parabéns pela página, obrigada por compartilhar um pouco desta sua paixão, se posso assim dizer :)

Rai C. disse...

AMEI! Recomento tbm a série Death comes to Pemberley, que é uma ficção e se passa qnd a Lizzie já tá casada com o Darcy há alguns anos. :)

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...